Festival Sete Sóis Sete Luas inicia em Aquiraz com shows musicais e teatrais a partir de sexta (26)

 Festival Sete Sóis Sete Luas inicia em Aquiraz com shows musicais e teatrais a partir de sexta (26)

Enel apresenta o Festival Internacional Sete Sóis Sete Luas que inicia sua programação no município de Aquiraz, com shows musicais a partir da sexta-feira (26). Os workshops começaram já na terça-feira (23), com os laboratórios musicais sendo conduzidos pelos mestres instrumentistas italianos Stefano Saletti e Barbara Eramo, e na quarta-feira (24), com as oficinas de circo e clownerie com o renomado ator, palhaço e filósofo Léo Bassi. A programação do Festival traz apresentações musicais no Bosque do Centro Histórico de Aquiraz e no Teatro Tapera das Artes e ainda um rico trabalho de troca de experiências artísticas e de oficinas de confecção de instrumentos. Toda a programação do Festival Sete Sóis Sete Luas é gratuita, mas é necessário apresentar o certificado de vacinação contra Covid-19.

O Festival amplia o intercâmbio e a difusão da arte em Aquiraz. O município representa o Brasil na Rede Internacional Cultural, criada por José Saramago, composta por 40 cidades de 11 países, que vem realizando diversos projetos com gestores, produtores e articuladores das comunidades do mundo luso mediterrâneo.

Neste primeiro final de semana de apresentações, o Teatro Tapera das Artes receberá em seus palcos as seguintes atrações. Na sexta-feira (26), a partir das 18 horas, a programação se inicia com o espetáculo musical de Fernando Sardo e do Grupo Catavento. Às 19h30, será a vez do espetáculo Piccola, Banda Ikona, da Itália, com os instrumentistas Stefano Saletti e Barbara Eramo. Às 21 horas, o sanfoneiro e cantor Waldonys e a cantora revelação Bruna Ene farão um show com a participação especial do sanfoneiro e instrumentista Jair Dantas.

No sábado (27), as atividades começam às 17h30, com o espetáculo cênico-musical C.A.T.A.B.U.M, seguido de uma apresentação do palhaço e ator Léo Bassi, encerrando a noite com o tradicional grupo cearense Dona Zefinha, que une música, teatro e elementos do circo e de espetáculos de rua.

A programação do Festival Sete Sóis Sete Luas conta ainda com workshops musicais com os instrumentistas italianos Stefano Saletti e Barbara Eramo, de 23 a 25 de novembro; e oficinas de circo/clownerie e laboratório de teatro com Léo Bassi, de 24 a 26 de novembro. Uma série de shows do Sarau SunSet, realizados no Palco Café, localizado ao lado do Serenata Café e do Teatro Tapera das Artes, com apresentações de artistas locais em diversos gêneros musicais sempre às sextas e sábados, de 03 de dezembro a 22 de janeiro de 2002, exceto nos finais de semana de Natal e Reveillon.

Os workshops de luteria (confecção e manutenção de instrumentos musicais) têm curadoria do Mestre Fernando Sardo, lluthier, compositor e músico, e sendo conduzidas pelos artistas e instrumentistas Francisco Coutinho (berimbau), de 22 a 26 de novembro; Di Freitas (rabecas), 29 de novembro a 03 de dezembro; Ivanildo (pífanos), de 03 a 07 de janeiro de 2022; Ígor Bastos (pífanos), de 10 a 14 de janeiro de 2022; May e Técio (instrumentos de cerâmica), de 17 a 28 de janeiro de 2022. Em paralelo, será realizado o Encontro dos Mestres da Cultura Luthiers, com as participações de Mestre Antônio Pinto (luthier de rabecas), Mestre Totonho (luthier de violinos), Mestre Aécio de Zaíra (instrumentos diversos), Mestre Gil Chagas/Gil D´Aurora (escultor e luthier).

O evento é uma realização do Centro de Pesquisa e Difusão da Arte – Imaginário, com patrocínio da Secretaria da Cultura do Governo do Estado do Ceará (Secult-CE) e apoio da Enel Ceará, com co-realização da Tapera das Artes e da Secretaria da Cultura da Prefeitura de Aquiraz.

Histórico do Festival no Ceará

O projeto resulta, artisticamente, na troca de saberes e conhecimento estético, na democratização do acesso às diferentes camadas da população; na difusão da cultura de diferentes povos e regiões, proporcionando para as crianças e adolescentes de projetos sociais convidados Oficinas Formativas Internacionais de Música e Artes Plásticas, o que é chamado de Eclipse Criativo.

A permanência do Estado do Ceará nessa Rede de Festivais, promovido pelo Centro de Pesquisa e Difusão da Arte – Imaginário, em parceria com a Tapera das Artes, estabelece significativos avanços no diálogo internacional para nosso país, através da difusão e promoção do Ceará em outros países, expondo a abertura para investimentos na área Cultural.

Em cada ano, a realização do Festival no Ceará, materializa o sentido de “pertencimento” da comunidade e o valor representativo do estado em escala nacional e internacional. Foram ações contínuas planejadas para benefício da cidade, em conexão com as diretrizes universais, que fazem desse intercâmbio um fortalecimento de identidades e propagação de ações culturais com grande participação de todos.

Vários artistas cearenses como Vando Figueiredo, Zediolavo, Dornelles, Marjorie, Carlos Macedo, Weaver Lima, Claudio Cesar, Sergio Heller e Lorena Nunes vivenciaram novos mercados culturais e exportaram seus trabalhos para outros países em virtude da Rede Sete Sóis Sete Luas.

Serviço

Festival Sete Sóis Sete Luas 2021

De 23 de novembro de 2021 a 28 de janeiro de 2022

Bosque Centro Histórico de Aquiraz e Teatro Tapera das Artes – Aquiraz (CE)

Postagens relacionadas

Font Resize